A ciência diz que deixar a barba crescer faz bem pra saúde do homem

Num dia desses perguntamos no nosso grupo #abelezaportrásdorótulo se o mundo agora é dos beard boys e a mulherada se dividiu.

Barba grande não é um consenso entre nós aqui no Cosmethica, mas somos legais e mesmo assim falamos bastante dos meninos, dando dicas de cuidados e sugestões de tendências.

A decisão de deixar a barba crescer pode ser baseada em questões estéticas, mas com o tempo, além de definir uma identidade visual nos moços, a ciência nos diz que surgem outros motivos para manter a barba: os pelos no rosto ajudam a evitar alergias, tosse e ainda servem como protetor solar natural.

🙂

Um  estudo da University of Southern Queensland, na Austrália, mostrou que a parte do rosto coberta por barba e bigode tem, em média, três vezes menos exposição ao sol do que as áreas lisas.

A pesquisa concluiu que a barba serve como um protetor solar natural para a pele do rosto, garantindo de 90 a 95% de bloqueio dos raios UV (dependendo do comprimento do pelo).

Isso não significa que você deve deixar de usar protetor solar no rosto, mesmo porque a barba não cobre toda a sua pele. Mas, é uma boa notícia, inclusive, para quem se preocupa com o envelhecimento da pele por conta da exposição ao sol.

 

Pesquisadores também descobriram que quem tem asma ou alergia por cheiros (como de pólen) ou poeira pode se beneficiar do contato dos pelos do bigode, que servem como uma espécie de filtro destes elementos, com a área nasal.

Mas é claro, tem que manter o bigode cuidado, pois, do contrário, ostentar os pelos entre o nariz e a boca pode ter o efeito contrário.

 

Ok, então o bigode já resolve?

Olha, os pelos que crescem no pescoço e no queixo também têm sua função. Eles ajudariam até a evitar tosse, pois, como o cabelo é um isolador que mantém uma área quente, as barbas longas e cheias podem servir para equilibrar a temperatura na região em dias mais gelados.

(Só eu pensei nos Vikings?)

Se não bastassem todos esses motivos para não fazer a barba, cientistas sugerem mais um: deixar os pelos no rosto retém a água com que se limpa a pele, mantendo, de alguma forma, essa área mais hidratada.

 

Sam Shiraishi

Quarentona assumida, me sinto uma representante legítima da minha geração e, por que não, um modelo para as mais jovens que desejam envelhecer sem deixar de lado os pequenos prazeres da vida, da comida, da diversão, dos cuidados com a saúde e a beleza, das relações pessoais que fazem tudo valer a pena.
Um breve resumo: jornalista, netweaver na otagai.com.br, blogueira no @avidaquer @maecomfilhos @cosmethica.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *